Capítulo 28 - Arrependimento

Capítulo 28 - Arrependimento

Mensagempor Bereano » Ter Fev 07, 2012 9:22 am

28 - Arrependimento
___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
“Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado”. Porque é tão difícil seguir este simples mandamento? Este capítulo examina as dificuldades e recompensas do arrependimento e porque vale a pena arrepender-se.
___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


Passagem em foco: Lucas 19:1-10

Já era bastante mau pagar impostos aos Romanos. Mas ter um concidadão Judeu que cobrava impostos para os Romanos era difícil de engolir. E o chefe dos cobradores de impostos era o mais odiado. Zaqueu era o cobrador de impostos chefe, e Jesus era um convidado na sua casa. Como pode Jesus associar-se com um homem desprezível como este?

Jesus tinha uma muito boa razão — “O Filho do Homem veio buscar e salvar o perdido”(Lucas 19:10). Zaqueus estava “perdido”, não tinha esperança e era um “escravo do pecado”. Ao arrepender-se, este homem que estava perdido encontrou Deus e a salvação.

1. Porque arrependeu-se Zaqueu assim de repente? Que provas tinha ele de que Jesus falava a verdade?
2. Era necessário que Zaqueu “pagasse quatro vezes mais”? O que isto lhe diz acerca do arrependimento de Zaqueu?
3. Zaqueu era Judeu. Qual foi o propósito de Jesus ter chamado Zaqueu de “filho de Abraão”?

Arrependo-me!

A palavra “arrepender” significar dar as costas e voltar-se para outra direção. Dar as costas ao pecado e voltar-se para Deus é a melhor decisão que fará na sua vida. O arrependimento tem um efeito poderoso nos nossos sentimentos, consciência, pensamentos e vida. Liberdade da culpa e “escravidão do pecado” é uma das maiores dádivas que Deus dá às pessoas, no entanto poucas pessoas a aceitam. Porquê? Pense sobre isso: estar disposto a virar as suas costas ao pecado, rejeitar o que o mundo tem para oferecer, e dedicar a sua vida inteira a Deus? É um grande compromisso, mas a decisão é fácil quando sabe quais são as recompensas:

1. uma consciência limpa e a liberdade da culpa;
2. ser mais como Deus;
3. vida eterna e a oportunidade de adorar Deus para sempre.

Primeira recompensa:

Quando Adão e Eva pecaram, sentiram-se culpados e tentaram esconder-se de Deus. Tentar encobrir e esconder a culpa normalmente não resulta porque a sua consciência é muito forte — você sempre irá lembrar mesmo que os outros já tenham esquecido. (Mas veja Timóteo 4:2)

Na verdade, a sua consciência é uma grande bênção de Deus; é muito útil em ajudá-lo contra pecar. Sem ela, não sentiria a necessidade de se arrepender. Ao aproximar-se de Deus, a sua consciência se fortalece e a tentação para pecar não é tão forte. Se se arrepender, Deus perdoa tudo, mesmo tudo; não mais se lembrará desses pecados. Tem um quadro limpo e começa como de novo — o fardo do pecado e culpa desaparecem(Isaías 43:25). Pense acerca destas duas citações:

Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça. (1 João 1:9)

Vinde, pois, e arrazoemos, diz o SENHOR; ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a lã. (Isaías 1:18)

Segunda recompensa:

O arrependimento resulta numa mudança positiva:

O tendes ouvido e nele fostes instruídos, segundo é a verdade em Jesus, no sentido de que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe segundo as concupiscências do engano, e vos renoveis no espírito do vosso entendimento, e vos revistais do novo homem, criado segundo Deus, em justiça e retidão procedentes da verdade. (Efésios 4:21-24)

Zaqueu estava tão envergonhado dos seus pecados que se voluntariou para dar de volta quatro vezes mais do que devia. Ele fez correções, e mudou. O arrependimento afetou-o dramaticamente e ele mostrou isto pela sua generosidade e declaração pública.

O arrependimento é geralmente uma coisa óbvia — rejeitar o pecado significa rejeitar o mundano e faz com que você sobressaia na multidão. Sobressair é uma das maneiras mais efetivas que um crente pode dar testemunho às pessoas do mundo — ao ser devoto, você mostra aos outros que o rodeiam como é Deus.

Embora mudar seja geralmente difícil, vale a pena. Substituir o pecado por ações positivas, como generosidade, amor, paz e paciência, naturalmente tem um bom efeito na sua vida. Por exemplo:

- Ao ser honesto —> as pessoas confiarão em si.
- Ao ser generoso —> as pessoas quererão lhe ajudar.
- Ao ser feliz —> as pessoas quererão estar consigo.

(Como é que afeta a sua vida ser piedoso?)

Terceira recompensa

Agora, porém, libertados do pecado, transformados em servos de Deus, tendes o vosso fruto para a santificação e, por fim, a vida eterna; porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor. (Romanos 6:22-23)

Viver para sempre é realmente difícil de imaginar. Será que se aborrecerá? O que poderá fazer? Terá amigos? As Escrituras dizem que vale a pena deixar tudo para receber a dádiva da vida eterna, então deve ser realmente muito bom para além da imaginação! Esta dádiva é condicional — tem que se arrepender. A chamada de Deus de arrependimento e rejeição do pecado, ser batizado e receber a promessa da vida eterna, é uma oferta maravilhosa que não deve ser rejeitada.

Deus ajuda-me a mudar!

A maioria das pessoas conseguem pensar em algo que fizeram errado, tentaram mudar mas voltaram a fazer o mesmo, vez após vez. Às vezes alguns pecados em particular podem ser habituais e para vencê-los é necessário ser persistente. Por exemplo, você pode ter um temperamento difícil e às vezes “arrebenta”! Ou talvez continua dizendo mentiras embora se sinta mal por isso. O verdadeiro arrependimento é tentar vez após vez para mudar a situação, tentar ser mais piedoso e dar as costas ao pecado.

Pedir ajuda a Deus é vital e deve ser a primeira coisa a ser feita. Apoio da família, amigos e crentes também tornam as coisas mais fáceis.

Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros, para serdes curados. Muito pode, por sua eficácia, a súplica do justo.
(Tiago 5:16)

Algumas vezes, não vemos logo a necessidade de arrependimento. Por isso é bom pedir a Deus que nos mostre o pecado nas nossas vidas, para que tenhamos consciência do que necessitamos mudar.

Também é de ajuda procurar nas Escrituras porque alguns comportamentos e ações são considerados pecaminosos aos olhos de Deus. Isto ajuda-nos a aprender mais sobre os caminhos de Deus e torna-nos menos inclinados a querer fazer o contrário. E também ficamos mais alerta para o pecado nas nossas vidas.

___________________________________________
Algumas passagens relevantes

Arrependimento:__________________Mateus 3:2; Lucas 13:3,5; Ezequiel 18:32
Sinais de arrependimento: _________Jó 42:6; Mateus 18:3; Lucas 3:8; Atos 2:38
Tempo de arrependimento: ________Apocalipse 2:21
Impenitente (que não se arrepende): _Romanos 2:5; 1 Coríntios 6:9-10
__________________________________________

Pecar Deliberadamente

Quando com conhecimento faz alguma coisa errada. Deus é magoado. Ao pecar deliberadamente, você mostra que não ama Deus e que não se importa. Até os pecados deliberados podem ser perdoados. No entanto, se continua pecando porque quer. Deus não irá perdoar. Você tem que mudar:

Porque, se vivermos deliberadamente em pecado, depois de termos recebido o pleno conhecimento da verdade, já não resta sacrifício pelos pecados; pelo contrário, certa expectação horrível de juízo e fogo vingador prestes a consumir os adversários. (Hebreus 10:26-27)

Vem um tempo em que Deus diz “já chega, basta”. Noé pregou, no entanto nem um se arrependeu dos seus pecados. Rejeitaram Deus, e assim ele fechou a porta da arca e foram destruídos. Da mesma forma, ignorar a chamada do Pai para arrependimento, então esperar se salvo no último minuto, é testar Deus. Cuidado, a porta pode ser fechada.

Arrependei-vos e cada um de vós seja batizado

Pedro disse às pessoas no Pentecostes “arrependei-vos e cada um de vós seja batizado” (Atos 2:38). É um mandamento simples e, para aquele que obedecem, existem grandes recompensas.

... estreita é a porta, e apertado, o caminho que conduz para a vida, e são poucos os que acertam com ela. (Mateus 7:14)

Pode ser difícil seguir pelo caminho mas existe ajuda ao longo da jornada.

Imagem

Sumário

- Arrependimento significa dar as costas ao pecado e virar-se para Deus.
- Arrependimento significa uma mudança no coração, vida e ações.
- Arrependimento torna-nos santos e puros aos olhos de Deus.
- Arrependimento leva à promessa da vida eterna.

Para refletir

1. Leia Hebreus 6:4-6. Isto significa que os crentes que pecam podem ser perdoados? O que significa “estão crucificando para si mesmos o Filho de Deus”?
2. Tenha em consideração a seguinte lista. Como o arrependimento mudaria estas coisas na sua vida? Escreva os seus sentimentos, fraquezas e pontos fortes para cada ponto da lista. Seja honesto consigo mesmo: A sua vida tem “frutos dignos de arrependimento”?

-Como fala com os seus pais.
-Quais são os seus sentimentos acerca de ir à reunião do memorial?
- Oração, como fala a Deus por si e pela sua família
- Onde gasta o dinheiro.
- Vontade de ajudar na lida da casa
- Estudo Bíblico e meditação
- O seu exemplo para os outros.
- O tipo de filmes que vê e música que ouve.
- O que fala com os seus amigos.
- O/A seu/sua namorado/a.
- O tempo que dedica a Deus.
- O que fala depois de palestras ou estudos sobre a Bíblia.
- A sua carreira e metas na vida

Para investigar mais


1. Leia Mateus 3:1-12.

(a) Como produzimos “frutos dignos de arrependimento”(v. 8)?

(b)Estes versículos mostram uma progressão envolvendo, confissão, arrependimento, batismo e fruto. Porque é cada um destes passos importante?

2. Escolha duas personagens do Antigo Testamento e duas do Novo que pecaram e se arrependeram. Compare cada situação, a resposta das personagens e a resposta de Deus.

(a) Como provaram que se tinham arrependido?
(b) Como é que o arrependimento afetou a suas vidas?
(c) O arrependimento salvou-os das consequências naturais do pecado?
(d) Deus trata pecados de maneiras diferentes?
(e) Porque se arrependeram?

--> Veja também:

14. Santidade e obediência
17. Pecado
29. Perdoar uns aos outros
38. Graça
48. Preocupação
Bereano
Site Admin
 
Mensagens: 267
Data de registro: Seg Set 27, 2010 12:32 am

Retornar para O caminho da vida

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Google [Bot] e 1 visitante

cron